Networking: como os eventos podem potencializar sua rede?

Os participantes de eventos na sua grande maioria segundo dados estatísticos apotam que uma das suas motivações está relacionada ao conteúdo do evento. Além dos conteúdos apresentados no evento e que previamente são definidos pela programação, listando as conferências, palestras e outras ações que acontecerão, uma das atividades que tem sido valorizada nos últimos anos e que compõem oficialmente o rol de ações de um programa são as atividades de networking.

Neste sentido, as ações podem prever diversas dimensões de networking no mesmo evento. Relacionamento entre empresas-empresas, que vulgarmente poderíamos adaptar o conceito de B2B para eventos, empresas-participantes, na qual os participantes do evento criam relacinamentos com as empresas apoiadoras, patrocinadoras ou geradoras de conteúdos par ao evento, adaptação de B2C para eventos; participante-participante, na busca de relacionamentos focados nas áreas de interesses de negócios, C2C; e, por fim, mas não por último, já que os níveis de relacinamentos pode se dar de diversas formas, o relaiconamento entre participantes-empresas e palestrantes/conferencistas, que poderíamos criar a sigla S2B ou S2C (speakerto business ou speaker to costumer).

Uma das formas mais clássica de fazer networking era a troca de cartões e contatos, porém com o desenvolvimento tecnológico muitas ferramentas foram criadas como objetos de captação de informações, que não quer dizer relacionamento em um primeiro momento, visto que os eventos são uma das formas mais eficazes de aproximação da empresa ao cliente, visto o seu poder face-to-face.

Creio que uma das ferramentas mais completas que eu pude ter conhecimento é a Spotme, criada para o desenvolvimento específico de networking em eventos.  Confira o vídeo abaixo:

Resumidamente o sistema possibilita de forma completa o tráfego de informações entre o target do evento, na qual suas funções possibilitam muito mais que as informações contidas no clássico cartão de visitas. Como o vídeo apresenta além das suas informasções, você pode trocar informações com os demais, marcar reuniões com possíveis parceiros de negócios e temáticas, buscar pessoas como um radar, saber de todas as informações e programações do evento, selcionando aquelas que você acredita ser mais importante sua participação, registra suas anotações, interage nas palestras e conferências, obtem informações sobre a cidade e mais uma série de ações que um pequeno aparelho com um bom sistema pode gerar.

Este tipo de ação possibilita de forma muito facilitada o desenvolvimento de redes de relacionamento durante o período do evento, porém o pré e o pós podem ser pensados diante da realidade dos social midea e todas as ferramentas existentes para a criação destes contato.

Independente das formas, estratégias e ferramentas, bem como dos locais onde isto ocorre fazer networking é essecncial para a carreira profissional com atuação em qualquer área. Então, mãos-a-obra.

Anúncios
Esse post foi publicado em Prateleira Virtual e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s